06/08/2020

Política

Ministério Público Eleitoral abre investigação para apurar suposto crime de abuso de poder político por Kleber Montezuma e Lucy Soares

Por Wanderson Camêlo O Ministério Público Eleitoral anunciou a instauração de procedimento preparatório para investigar denúncia de possíveis condutas ilícitas, e de abuso de poder […]

Publicado por: Luciano Coelho 31/07/2020, 14:53

Por Wanderson Camêlo

O Ministério Público Eleitoral anunciou a instauração de procedimento preparatório para investigar denúncia de possíveis condutas ilícitas, e de abuso de poder político, por parte da primeira-dama de Teresina, deputada estadual Lucy Soares (Progressistas), e do pré-candidato a prefeito Kleber Montezuma (PSDB). Eles estariam usando a máquina pública para fazer campanha eleitoral.

Lucy Soares ao lado de Kleber Montezuma (Foto: reprodução/Facebook)

A representação foi feita pelo vereador Dudu (PT). Ele sustenta que os dois estão realizando reuniões virtuais de cunho político com participação de diretores de escolas e membros dos Conselhos Escolares da capital, o que é vedado pela legislação eleitoral.

“Que o Ministério Público investigue todos os fatos, pois não podemos permitir que os Conselhos Escolares sejam utilizados para fazer campanha eleitoral”, pediu Dudu.

O vereador petista Dudu (Foto: divulgação)

Kleber se afastou recentemente da secretaria de Educação de Teresina para disputar a prefeitura da capital. Lucy vem ajudando a reforçar campanha em favor do tucano.

O vereador protocolou a denúncia no MPE no último dia 21. O procedimento investigativo foi aberto nesta quinta-feira e está sob a responsabilidade do promotor Regis de Morais Marinho.

Confira cópia do procedimento preparatório:

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

 

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • redacao@notempo.com.br
No Tempo