06/08/2020

Cidades

Governo Federal assina ordem de serviço para início da duplicação da BR-316

Por Wanderson Camêlo O governo federal, através do Ministério da Infraestrutura, assinou ordem de serviço para dar início à obra de duplicação da BR-316/PI, trecho […]

Publicado por: Luciano Coelho 14/07/2020, 14:49

Por Wanderson Camêlo

O governo federal, através do Ministério da Infraestrutura, assinou ordem de serviço para dar início à obra de duplicação da BR-316/PI, trecho que liga Teresina a Demerval Lobão. Os serviços devem começar já nesta terça-feira (14).

O documento foi assinado pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, em solenidade realizada por videoconferência. O evento aconteceu ontem à tarde e contou com a participação de integrantes da bancada federal piauiense, como os senadores Elmano Férrer (PODEMOS); Ciro Nogueira (Progressistas) e Marcelo Castro (MDB), além dos deputados Margarete Coelho (Progressistas); Marcos Aurélio (MDB); Rejane Dias (PT); Átila Lira (Progressistas); Merlong Solano (PT) e Flávio Nogueira (PDT). 

O ministro Tarcísio Gomes de Freitas, da Infraestrutura (Foto: reprodução/Poder 360)

O segmento a ser duplicado, de 20,16 quilômetros de extensão, vai ligar também a capital piauiense ao litoral de Alagoas, abrangendo ainda outros 20 municípios em sua área de influência. “Vamos fazer os primeiros 20 km de duplicação nessa saída Sul de Teresina. É bom lembrar que o DNIT já está fazendo o projeto de duplicação para mais 20 KM ao Sul de Demerval Lobão”, informou o ministro. 

Na oportunidade, Tarcísio também deu destaques a outras obras no estado que contam com investimentos do governo federal, dentre elas, a construção do viaduto do Mercado do Peixe (zona sudeste de Teresina). Os serviços foram paralisados devido ao decreto de isolamento para evitar maior disseminação da Covid-19, mas serão retomados nesta terça-feira (14). 

Para desafogar o trânsito no local durante a realização dos trabalhos no local, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) vai licitar o rebaixamento da João XXIII, no cruzamento com a Zequinha Freire.

Tanto o alargamento da BR-316, como o viaduto são de responsabilidade do DNIT.

Transnordestina 

Na solenidade o ministro da Infraestrutura também ressaltou a importância da ferrovia Transnordestina, que teve obras retomadas ainda no final do ano passado em trecho que liga o Piauí ao Ceará

A ferrovia tem 423 km de extensão no estado; 70 % da obra foi concluída, de acordo com o Ministério da Infraestrutura. “Hoje nós temos frente de serviço na região de Paulistana, temos 500 trabalhadores contratados no Piauí, temos mais 600 trabalhadores no Ceará. Ela já começa a caminhar também sentido a Pecém (no Ceará)”, frisou  Tarcísio Freitas. 

A Ferrovia Nova Transnordestina é projetada para ligar o Porto de Pecém, no Ceará, ao Porto de Suape, em Pernambuco, além do cerrado do Piauí, no município de Eliseu Martins, com extensão total de 1.753 km.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • redacao@notempo.com.br
No Tempo