10/07/2020

Esporte

Teresina recebe Festival Paralímpico neste sábado (21)

Em comemoração ao Dia do Atleta Paralímpico, celebrado no dia 22 de setembro, o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em parceria com a Secretaria de Estado […]

Publicado por: Lícia Assunção 19/09/2019, 10:40

Em comemoração ao Dia do Atleta Paralímpico, celebrado no dia 22 de setembro, o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em parceria com a Secretaria de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid), vai realizar, neste sábado (21), a 2ª edição do Festival Paralímpico em Teresina. O evento será realizado no Setor de Esportes da Universidade Federal do Piauí (UFPI), a partir das 8h30.

Ao todo, 70 cidades receberão o evento que tem como objetivo promover a experimentação do esporte adaptado a cerca de 11 mil crianças, com faixa etária de 10 a 17 anos. Na primeira edição, realizada em 2018, mais de 10 mil pessoas estiveram envolvidas nas ações do Festival Paralímpico, sendo cerca de 7 mil crianças, em 48 núcleos.

Para o secretário de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência, Mauro Eduardo, o esporte é uma ferramenta de inclusão social. “O esporte tem tirado várias pessoas com deficiência da depressão, no caso daquelas que antes não tinham nenhum tipo de deficiência e depois passam a ter que conviver com isso. Ele também é um instrumento de reabilitação que vem mostrando que as pessoas com deficiência podem ter um desempenho muito alto nessa área. Então, nós enquanto Governo do Estado e secretaria temos apoiado eventos como esse, pois entendemos que eles visam melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência”, declara o gestor.

Carlos Cavalcante, profissional de Educação Física responsável pela organização do Festival Paralímpico em Teresina, disse que o evento ocorrerá em diversas partes do Brasil simultaneamente. “Esperamos que o evento possa contribuir com o nosso principal objetivo, que é de incluir novamente o Piauí nas Paraolimpíadas Escolares. Então, o Comitê Paralímpico Brasileiro busca, por meio dessa iniciativa, promover e dar acesso à prática do esporte para as pessoas com deficiência”, disse Carlos.

Em Teresina, serão três modalidades Paralímpicas praticadas no Setor de Esportes da Ufpi: atletismo, futebol de 5 e vôlei sentado, com duração de três horas – das 8h30 às 11h30. Poderão participar crianças com faixa etária de 10 a 17 anos, com e sem deficiência.

Fonte: CCOM/PI

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • redacao@notempo.com.br
No Tempo