13/07/2020

Economia

Rede de controle fiscaliza compra de máscaras, EPIs e água sanitária

Por Luciano Coelho A Rede de Controle da Gestão Pública no Piauí iniciou investigações para apurar denuncias de compras supostamente irregulares feitas pela Fundação Estadual […]

Publicado por: Luciano Coelho 08/05/2020, 09:38

Por Luciano Coelho

A Rede de Controle da Gestão Pública no Piauí iniciou investigações para apurar denuncias de compras supostamente irregulares feitas pela Fundação Estadual Piauiense de Serviços Hospitalares no valor de R$ 1,19 milhão para equipamentos de proteção individual de uma empresa de Picos e outra compra de R$ 292,8 mil em água sanitária adquirida pela Prefeitura de União.

Rede de controle fiscaliza compra de máscaras, EPIs e água sanitária (Foto: reprodução/internet)

No caso de Picos, a Distribuidores Nogueira de Medicamentos Ltda. (Disnomed) teria vendido 4.600 caixas de máscaras para a Fundação Hospitalar custando cerca de R$ 260,00 cada caixa. O presidente da Fundação, deputado Pablo Santos, já justificou a compra para ser distribuída entre hospitais.

No caso da Prefeitura de União, foi publicado no Diário Oficial dos Municípios a compra de hipoclorito de sódio da empresa Lucivaldo A. Piauilino Ltda. no valor de R$ 292.800,00. Segundo informações, o prefeito da cidade, o médico Paulo Henrique Costa, teria gasto mais R$ 150 mil na aquisição de teste contra o Covid-19.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • redacao@notempo.com.br
No Tempo